iBoletim auxilia alunos a calcular notas para “passar de ano” na escola

Por em novembro 12, 2013 - Visualizado 8747 Vezes

Natan Gorin, um menino de apenas 12 anos de idade já lançou seu primeiro app, o iBoletim, na App Store. Natan começou a programar aos 11 anos fazendo web sites simples, depois passou a estudar C, C++ e Objective-C. O app iBoletim já acumula mais de 50 mil downloads e chegou a ocupar a primeira posição no ranking de Educação do Brasil e o terceiro lugar geral da App Store nacional.

O estudante Natan Gorin, resolveu criar um aplicativo de celular que calculasse todos os pontos necessários para atingir a média mínima de aprovação. Chamado de iBoletim, o app trabalha com sistemas de nota que vão de 0 à 10 ou de 0 à 100. Os períodos de avaliação em bimestres, trimestres ou semestres também podem ser selecionados.

Ele teve a ideia do aplicativo quando muitos colegas o procuraram no final de 2012 pedindo que ele calculasse as notas. Conhecido por ser bom em Matemática, ele pesquisou em sites da Apple e no Google para saber como se construía um aplicativo que resolvesse o problema.

Mesmo sem ter estudado programação, ele conseguiu criar um protótipo, aperfeiçoado durante as férias escolares de verão, que ao final gerou o iBoletim.

O aplicativo para iOS tem como objetivo ajudar os estudantes a gerenciar suas notas escolares e é muito simples. Você adiciona suas matérias, depois seu tipo de período, a média para passar de ano e quantos períodos sua escola tem. Com isso configurado, você tem acesso a uma série de funções:

  • Um boletim virtual, onde você coloca suas notas tiradas no boletim, e ele automaticamente as salva e calcula quanto é necessário tirar no próximo boletim.
  • Um espaço para colocar sua nota tirada em provas e trabalhos, para futuras consultas.
  • Uma aba para ver quantos pontos você precisa recuperar, ver sua nota média e ver se passou de ano direto.

Oportunidades à vista

Para abraçar a área de desenvolvimento de aplicativos como profissão, os jovens encontram um ambiente fértil e rentável, com um salário inicial que pode chegar a R$ 4 mil. Com um pouco mais experiência na carreira podendo chegar a até R$ 10 mil por mês.

Para quem deseja aprender um pouco mais sobre o assunto, a própria internet está cheia de tutoriais. É possível criar aplicativos gratuitamente no site Universo.mobi. E estudar a documentação das principais plataformas de aplicativos, que podem ser encontradas nos sites developer.apple.com/devcenter/ios (iOS) e developer.android.com (Android).

 

Você achou útil essa informação? Por favor, deixe um comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

InspectorWordpress has prevented 1110 attacks.