Como atualizar-se ao PMBOK Guide 5ª edição

Por em outubro 16, 2013 - Visualizado 9270 Vezes

Por Cornelius Fichtner, PMP

Se você estudou para fazer o seu exame PMP usando o PMBOK Guide quarta edição e teve de reagendar sua data de exame para após 31 de Julho de 2013, então você já precisa realizar a prova com base no novo PMBOK Guide quinta edição. O Project Management Institute não vai fazer nenhuma exceção a esta regra.

Há notáveis modificações entre versão quatro e versão cinco do PMBOK. O número de áreas de conhecimento foi aumentado de 9 para 10, e o número de processos foi aumentado de 42 para 47. Mas esta modificação só é simples se olharmos numericamente; olhando no detalhe é muito mais complexo que isso.

Vejamos um exemplo: a nova área de conhecimento é chamada Project Stakeholder Management (ou Gerenciamento das Partes Interessadas do Projeto) e foi acrescentada para enfatizar a importância do correto gerenciamento das Partes Interessadas em todos os projetos. Contém quatro processos; dois desses processos foram renomeados e transferidos do Gerenciamento das Comunicações do Projeto; dois são processos novos. O deixa três novos processos que foram acrescentados em outras áreas de conhecimento do guia. Além disso, muitos outros processos foram renomeados.

O apêndice X1 no guia PMBOK quinta edição descreve a maior parte das modificações. Um grande número de autores também descreveram essas modificações e colocaram sua análise à disposição online (uma rápida pesquisa na tag “PMBOK 5 changes” ou “modificações no PMBOK 5”) os encontrarão. É importante observar que esses artigos não enumeram todas as modificações detalhadas. Por exemplo, as entradas, as ferramentas e técnicas e as saídas de quase todos os processos foram modificadas. Por esse motivo, é bem provável que você não encontrará uma descrição completa de todas as modificações.

Por causa deste grande montante de modificações é impossível simplesmente ‘estudar a diferença’. As modificações são às vezes conceituais, às vezes drásticas e outras menor. Mas elas existem, e o seu exame PMP pode requerer que você as saiba. A ‘atualização’ do seu conhecimento da quarta para quinta edição não pode ser realizada ‘mudança por mudança’. Você precisa aplicar uma abordagem holística.

No entanto, também deve ser dito que somente o guia de PMBOK foi modificado, o gerenciamento de projetos não se modificou. A forma fundamental pelo qual os projetos são dirigidos ainda é o mesmo. O guia é simplesmente o nosso “suporte” descrevendo as atividades e técnicas que são comumente aceitas como boas práticas na maioria dos projetos, na maior parte do tempo. E só porque o PMBOK Guide mudou sua área de conhecimento Gerenciamento de Custos  de três a quatro processos não significa que sistemas de Valor Agregado precisam ser alterados também.

Mas, para passar no seu exame PMP, você precisará estar ciente das novas definições. Estudá-las requer esforço, dedicação e tempo. Aqui está um possível método de estudo para você se “atualizar” para a quinta edição:

1. Estude o apêndice X1 e familiarize-se com as modificações. Especialmente com os processos que foram acrescentados, movidos ou renomeados e aprenda os novos nomes de processo.

2. Estude o apêndice X3 e familiarize-se com as Habilidades Interpessoais que um gerente de projeto deve ter.

3. Estude o anexo A1: o Padrão de Gerenciamento de Projetos de um Projeto. Aqui você conseguirá estudar as descrições curtas de cada um dos cinco grupos de processo e de cada um dos 47 processos.

4. Estude a tabela 3-1 na página 61 e saiba qual processo pertence a que grupo de processo. (Você descobrirá que ela contém a mesma informação que a tabela A1-1 no anexo A1). Para a prova, ela poderá capacitá-lo a começar numa folha de papel em branco e desenhar esta tabela direto da memória.

5. Estude a tabela 4-1 na página 78 e saiba quais documentos são parte do plano de gerenciamento do projeto e quais os que são “apenas” outros documentos de projeto.

6. E finalmente (e infelizmente): Estude completamente a nova edição duas vezes.

 

Enquanto estuda, familiarize-se com as novas entradas, ferramentas e técnicas e saídas de todos os processos. Uma boa estratégia é estudar o Diagrama de Fluxo de Dados de cada um dos 47 processos. Esses diagramas ilustram o fluxo das entradas e saídas e fortalecerão a sua compreensão de como elas se movem entre os muitos processos. Ele também o ajudará a entender a natureza integrada de todos os processos.

Você também precisa conhecer os novos processos que foram acrescentados e dar atenção especial ao novo Resumo de Cálculos de Valor Agregado (tabela 7-1 na página 224), que mostra no detalhe uma tabela que desenvolvi e publiquei desde 2009 para o nosso Guia de Fórmulas para o Exame PMP …

Como você deve ter percebido agora, “atualizar” o seu conhecimento nesta nova versão não é algo que você consegue fazer em apenas um dia. Enquanto a sua experiência é o foco principal do exame PMP, também será necessário para que você tenha uma compreensão aprofundada do PMBOK Guide Quinta Edição para ser capaz de responder corretamente muitas das perguntas do teste. Por isso, recomendo que você planeje um mínimo de duas semanas de intenso estudo.

 

Sobre o autor, Cornelius Fichtner, PMP é um notável especialista PMP. Ele já ajudou mais de 20.000 alunos a se prepararem para o exame PMP com The Project Management PrepCast em http://www.pm-prepcast.com e ele orienta PMI certificados a ganhar PDUs com The PDU Insider no http://www.pdu-insider.com.

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

InspectorWordpress has prevented 1110 attacks.